Veja o que fazer para guardar o código autenticador na plataforma

Quem utiliza serviços online está sob risco de ataques digitais, podendo perder informações importantes e dinheiro. A complexidade das invasões aumenta com o tempo, mas as defesas contras essas não ficam para trás. O código autenticador, por exemplo, é usando com frequência no mundo digital.

A segurança que se busca ao navegar na internet deve ser dobrada ao comercializar Bitcoins. Os valores negociados podem ser bastante altos, e os aumentos recentes nos preços tornaram a moeda um grande atrativo.

Este post explicará o uso de uma segunda etapa no login, que usa um código autenticador. A tecnologia é usada em diversas plataformas online e apresenta bons resultados. Siga conosco!

O que é dupla autenticação?

A dupla autenticação garante maior segurança para os usuários da plataforma. Essa tecnologia consiste no envio de uma segunda senha para o usuário que faz o login.

Um código autenticador aparece em seu celular e deve ser informado ao site. A nova senha é gerada aleatoriamente e dura apenas alguns segundos, garantindo que ninguém possa adivinhá-la. Dessa forma, a pessoa mal intencionada que tentar invadir uma conta não conseguirá mesmo descobrindo a senha do usuário.

Como utilizar a tecnologia?

O uso da dupla autenticação varia de acordo com a plataforma. Geralmente o código autenticador é gerado através de aplicativos como Authy ou Google Authenticator. Os dois aplicativos são de confiança, respeitados no mercado e grátis.

Ao fazer seu primeiro login na plataforma, uma tela é exibida, convidando o usuário a configurar o uso da dupla autenticação. Isso pode acontecer por meio de registro de um email, número de celular ou download de um aplicativos.

No caso de download, a leitura de um código QR exibido faz a associação entre aplicativo e conta. O autenticador escolhido já passa a gerar novas senhas após esse passo, as quais devem ser utilizadas depois da primeira etapa do login.

Onde a dupla autenticação está presente?

Inúmeros sites e plataformas permitem o uso da tecnologia. É possível ativá-la no Facebook, aplicativo Battle.NET, Paypal, entre outros. É possível o envio do código autenticador por meio dos aplicativos citados, SMS, e-mail ou ainda o uso de um token (dispositivo físico).

A dupla autenticação dá uma maior segurança e praticidade para quem faz o uso da tecnologia. A necessidade de uma senha que muda constantemente permite que os usuários acessem suas contas em computadores públicos sem tanto receio, já que é necessário o celular ou token para conseguir completar o login.

Plataformas que negociam bens de valor como Bitcoins devem disponibilizar a tecnologia para seus clientes. Segurança e praticidade são qualidades de grande importância na hora de comprar ou vender criptomoedas, e a dupla autenticação oferece os dois.

Na hora de decidir com quem realizar operações importantes pela internet, deve-se levar em conta a disponibilidade da dupla autenticação. Lembre-se de também considerar outras ferramentas de segurança além do código autenticador. A praticidade no uso e a qualidade do suporte são outros fatores que devem ser considerados.

Ficou com alguma questão sobre o tema? Quer dar alguma sugestão? Que tal contar com uma plataforma segura e prática para negociar Bitcoins? Entre em contato conosco e deixe-nos saber o que você está pensando!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.