Comprar e vender Bitcoins é uma alternativa de investimento que tem chamado a atenção por sua recente valorização, principalmente no final de 2017. O mercado possibilitou rendimentos elevados para quem aproveitou a oportunidade. Isso ganha ainda mais relevância em um momento em que a taxa básica de juros no Brasil está baixa e, as aplicações mais tradicionais, menos atraentes.

No entanto, vale lembrar que investir requer sempre um pouco de conhecimento, afinal é o destino do seu dinheiro que está em jogo. Por isso, é importante entender o funcionamento desse mercado para saber qual a melhor hora de apostar em criptomoedas. Selecionamos aqui algumas dicas para ajudar você nessa decisão! Acompanhe!

Entenda o funcionamento do mercado

Saber como funciona o mercado no qual você está investindo é muito importante para evitar surpresas. A cotação do Bitcoin flutua, isto é, seu preço varia para cima e para baixo, de acordo com a oferta (volume de moedas à venda) e a demanda (interesse pela compra), assim como acontece com o dinheiro não virtual.

A principal diferença é que o Bitcoin não é a moeda de nenhum país. Portanto, não está sujeito às intervenções de um governo que tente influenciar sua cotação de acordo com interesses econômicos. Isso quer dizer que é um dinheiro descentralizado e seu valor depende apenas dos negócios realizados entre os investidores.

Conheça os riscos do investimento

Um outro desdobramento da descentralização é que o mercado de Bitcoin não é fiscalizado pelos órgãos de mercado, como a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) ou o Banco Central, nem tem regulamentação oficial. Além disso, por ser 100% virtual, pode estar sujeito à ataques de hackers, se você utilizar plataformas não seguras.

Nesse sentido, é ainda mais importante procurar plataformas robustas de negociação, além de proteger seus dados cuidadosamente. Uma boa prática é guardar suas chaves privadas em local seguro. Dessa forma, você evita que fraudes e roubos virtuais ocorram e que o seu investimento seja prejudicado.

Comece com pouco e prefira investir com regularidade

Assim como acontece com as ações nas bolsas de valores, a cotação do Bitcoin tem grande volatilidade e é muito difícil conseguir comprar exatamente no menor preço ou vender no pico. Para isso, seria preciso ter uma bola de cristal e ser capaz de adivinhar o futuro — o que infelizmente ainda não é possível para ninguém.

Assim, uma das melhores formas de se proteger das oscilações desse mercado é investir aos poucos e com regularidade. O objetivo é reduzir os riscos da variação da moeda. Dessa maneira, você forma um “preço médio” dos ativos em sua carteira digital, de forma muito mais segura.

Por exemplo, se você comprou R$ 1 mil em Bitcoin em um momento em que a moeda estava valendo R$ 27 mil e, depois, mais R$ 1 mil quando ela estava valendo R$ 26 mil, o preço médio no seu caso ficou em R$ 26,5 mil. Ou seja, você perdeu de um lado, mas compensou do outro.

Saiba por quanto tempo investir

A duração do investimento em Bitcoin depende do objetivo de cada pessoa. É muito difícil acertar o momento exato de vender na melhor cotação possível. Mesmo que você tenha comprado por um preço inferior e esteja vendendo com lucro, nada impede que a moeda continue subindo e você fique com a sensação de ter deixado na mesa um bom dinheiro.

O contrário também é verdade: a moeda pode desvalorizar e talvez você precise vender mesmo com prejuízo, sempre com a possibilidade de que caia mais e você tenha jogado certo. Assim, existem duas questões importantes a serem levadas em consideração. A primeira é que os recursos que você usa para fazer investimentos de maior risco devem ser de longo prazo.

Mesmo que você aproveite boas oportunidades para comprar na baixa e vender na alta, não se deve esperar ganhos a curto prazo em aplicações sujeitas a grandes variações. A segunda questão importante é que os recursos a serem aplicados nesse mercado não podem fazer parte da sua reserva de emergência, se não, podem acabar sendo sinônimo de dor de cabeça.

Analise gráficos que apontem tendências

Apesar de, como dissemos, o futuro ser incerto por definição, os ativos tendem a ser comportar de forma relativamente padronizada. Para entender, é preciso analisar os gráficos de cotação e traçar qual é a sua tendência. A isso se dá o nome de análise gráfica ou técnica. Ela funciona para qualquer investimento que tenha cotações variáveis, como ações e moedas.

Você pode tanto estudar um pouco mais sobre o assunto e realizar suas próprias projeções, quanto contar com a avaliação de especialistas no assunto. Uma dica é escolher uma plataforma para comprar e vender Bitcoins que ofereça ferramentas gráficas e analistas de qualidade. Assim, a realização desses estudos se torna mais simples.

Lembre-se de que não existe substituto para o conhecimento. A análise técnica pode ajudar você a escolher os melhores momentos para negociar seus Bitcoins. Por isso, estude bastante sobre as tendências de mercado, leia materiais para investidores e conte com especialistas Assim, suas aplicações serão melhor direcionadas.

Escolha uma boa plataforma para comprar e vender Bitcoins

Na hora de decidir a plataforma para fazer seus investimentos em Bitcoins, é importante levar em consideração a credibilidade da instituição e sua seriedade no meio. Além disso, observe se o suporte que ela pode oferecer é suficiente para que você realize suas aplicações com tranquilidade.

A BitcoinTrade se destaca nesses dois quesitos, pois oferece um ambiente seguro para seus investimentos e todo o auxílio para que possa negociar suas moedas virtuais sem sobressaltos. Com o cadastro, você vai encontrar análises diárias e semanais da movimentação do mercado no menu “Análises e Cursos”.

Agora, você já sabe como comprar e vender Bitcoins de forma segura. Entender como esse mercado funciona é fundamental na hora de fazer aplicações, tanto para planejar os melhores movimentos, quanto para garantir segurança. Lembre-se de que a escolha de uma plataforma de negociações com credibilidade e suporte com tecnologia avançada é imprescindível para ter sucesso.

Gostou das dicas e ficou interessado? Entre em contato com a BitcoinTrade! Podemos ajudar você em todos os passos para entrar nesse mercado com segurança!