Quem conhece o Bitcoin há mais tempo, sabe que uma das suas maiores características – e não vou aqui entrar no mérito de chamar tal característica de qualidade ou defeito – é a sua volatilidade. Os mais “vacinados” se gabam, inclusive, que estão acostumados com as grandes variações diárias de 5% ou 10% e sequer ficam animados (ou assustados) quando isso acontece, pois tudo faz parte da naturalidade da querida moeda.

Pois bem. Desde meados de Junho, estamos passando por um período de “encolhimento gradativo” na volatilidade. Um movimento positivo valorizou a moeda cerca de 40% em 1 semana. Depois, devolveu metade disso em 4 dias. Em seguida, vários movimentos alternados aconteceram. Os topos foram ficando cada vez mais baixos, e os fundos cada vez mais altos. Até que chegamos à atual situação: a variação acumulada do Bitcoin no mês é de menos de 2%, entre altos e baixos.

No gráfico, fica claro esse desenho de “funil” se formando. O lado bom é que estamos cada vez mais próximos da “ponta” do funil. Historicamente, sempre que chegamos muito perto desse ponto, alguma coisa acontece.

“Ah, então o que vai acontecer?”

Não faço ideia. Ninguém faz. Se alguém te disser que sabe, está enganado. Ou pior, te enganando. O importante nesse caso é estar atento e se posicionar. Existem basicamente duas coisas que você como investidor pode fazer.

Se você está super comprado no Bitcoin

Se esse é o seu caso, talvez seja seguro” se desfazer um pouco da sua posição. Assim uma eventual correção negativa vai doer menos no seu bolso.

Se você não nada em Bitcoin (ou muito pouco)

Aqui faz sentido comprar um pouco. Desse jeito, caso o movimento seja positivo, você aproveita um pouco do movimento e não ficará com a sensação de que perdeu uma oportunidade.

Mas o pior pode acontecer?

Pode. Nunca se sabe. É possível que você compre o Bitcoin hoje e amanhã ele desabe 15%? Sim. Da mesma forma que é possível que você venda seu Bitcoin hoje por US$9.500 e amanhã ele chegue nos 11 mil dólares novamente. Ambas as situações serão 100% normais. Ambas já aconteceram algumas vezes em um passado recente e muito provavelmente vão acontecer novamente.

A única coisa que podemos afirmar com 100% de certeza é que, estando preparado, você enfrenta esses movimentos com menos emoção e com mais razão.