Passo a passo: descubra como conseguir guardar seu suado dinheiro

Economizar é uma tarefa difícil para muitos brasileiros. No entanto, poupar é essencial para as nossas vidas, tanto para possibilitar a realização de sonhos, como a compra de uma casa ou uma viagem. Também é fundamental para garantir o futuro, já que a previdência oficial paga pouco e sempre corre risco de passar por novas reformas que a tornem ainda menos atraente.

A boa notícia é que, com um pouco de planejamento, é possível aprender a economizar. Preparamos 5 passos para você saber como conseguir guardar dinheiro. Confira!

1. Saiba no que você gasta seu dinheiro

Quando você vai ao médico com algum problema de saúde, a primeira coisa que ele faz é perguntar os sintomas e examinar suas condições físicas. Ou seja, busca o maior número de informações sobre seu estado atual para chegar a um diagnóstico e prescrever um tratamento.

Essa regra vale para qualquer situação que tenhamos intenção de mudar. Por isso, se você quer fazer “sobrar” dinheiro, precisa saber primeiro para onde ele está indo.

Registre todas as suas despesas e seja honesto consigo mesmo. Se você gasta R$ 10 por dia em cafezinho e sobremesa depois do almoço com os colegas de trabalho, são R$ 220 por mês, considerando apenas dias úteis. Esse valor precisa ser computado. Faça uma estimativa também de quanto você gasta por mês com itens não previstos, como remédios, um aparelho que quebra, um passeio de escola do seu filho.

2. Estabeleça metas e prazos para cumpri-las

Guardar dinheiro não deixa de ser um sacrifício, no sentido de que precisamos abrir mão de satisfações de curto prazo em prol de um benefício maior de longo prazo. Isso se torna mais fácil se você tiver objetivos concretos, com prazos definidos. Por exemplo: uma viagem para a Europa daqui a dois anos, que vai custar R$ 30 mil. Assim você consegue calcular quanto precisa guardar por mês para atingir sua meta.

Para algumas pessoas, tornar a meta mais visual pode ajudar. Se você quer comprar um carro de R$ 70 mil daqui a dois anos, por exemplo, pode desenhar o carro ou imprimir seu desenho e pintá-lo conforme você for avançando na sua meta.

3. Tenha disciplina com as suas contas

As multas por atraso no pagamento das contas, os juros do cheque especial e do rotativo do cartão de crédito são dinheiro jogado fora, que poderia ter sido investido e deixado você mais próximo dos seus sonhos. Portanto, se você fecha todo mês no vermelho, reveja seu orçamento. Corte despesas ou busque uma fonte extra de renda. Caso contrário, seu esforço não será revertido em seu benefício.

4. Conheça suas forças e fraquezas

O autoconhecimento é fundamental para a saúde financeira. Por isso, saiba qual é o seu ponto fraco. O cartão de crédito virou uma bola de neve? Tire-o da carteira e guarde na gaveta. É uma tentação a menos. O financiamento do carro está muito alto?

Faça as contas e veja se não compensa passar um tempo sem carro ou trocá-lo por um modelo mais barato.

5. Busque opções de lazer mais baratas

O lazer é essencial para nossa saúde mental e para a nossa vida social. Não é necessário, porém, detonar o orçamento para se divertir. Em vez de almoçar em um restaurante com a família, por exemplo, você pode organizar um piquenique no parque. A internet abriu as portas para uma infinidade de opções de lazer para todos os bolsos, inclusive com programas gratuitos. Basta pesquisar.

Pelos passos acima, você já deve ter notado que a forma como conseguir guardar dinheiro é com um pouco de disciplina, fugindo das compras por impulso e pagar suas contas em dia, evitando multas e juros. No entanto, com e devido planejamento, tenha certeza de que será possível guardar dinheiro e conquistar os seus projetos.

Gostaria de mais informações para cuidar melhor da sua vida financeira? Curta a nossa página no Facebook e acompanhe mais dicas!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"