Como comprar Bitcoin? Aprenda aqui

Já ouviu falar do tipo de investimento mais popular das criptomoedas, o Bitcoin? Tem dificuldades para entender o que é e como funciona essa moeda? Precisa entender melhor como comprar Bitcoin com segurança? Então, acompanhe este post!

A moeda Bitcoin tem ganhado bastante repercussão nos últimos tempos e isso se dá, principalmente, devido à esperança de que ela se valorize e levante não só o mercado financeiro, mas toda a economia e estrutura financeira do país.

Contudo, por ser uma moeda virtual, pode estar sujeita a hackers e outros perigos que podem prejudicar seus investimentos. Por isso, é preciso guardá-la em locais seguros e que garantam a rentabilidade.

Para ajudar você nesse processo, criamos este post em que vamos esclarecer como comprar Bitcoin com segurança. Continue a leitura e confira agora mesmo!

O que é Bitcoin?

A fim de investir e proteger o seu Bitcoin, é preciso antes entender o que ele é e como funciona. Na sua morfologia, “bit” refere-se ao código ou dígito binário e “coin” significa moeda em inglês. Ou seja, Bitcoin é uma moeda virtual utilizada via internet para a realização de pagamentos, recebimentos, trocas e serviços.

Com isso, não existe uma empresa ou instituição detentora dos direitos desse “dinheiro virtual”, possibilitando que qualquer pessoa possa adquiri-lo, vendê-lo ou trocá-lo. Ao contrário do que acontece com as outras moedas, o Bitcoin não é regulado pelo Banco Central (Bacen), nem pelo governo federal.

Você deve estar se perguntando: como isso é possível? Então, fique calmo, que vamos explicar agora!

Existe o banco de dados, o blockchain, que armazena em redes de computadores com ambiente criptografado todas as operações da criptomoeda no mundo, garantindo a segurança dessas informações.

No Japão e em alguns países, por exemplo, o Bitcoin já é mais conhecido e utilizado, então eles já são aceitos até mesmo em estabelecimentos comerciais.

Já nos casos de troca, a transação de transferência de Bitcoin não requer um intermediador. Apenas a presença virtual de quem vende e de quem compra o valor já é suficiente, ao contrário do que acontece em processos bancários.

Como comprar Bitcoin?

É muito simples! Basta fazer o seu cadastro no site da BitcoinTrade, no qual você vai realizar as operações de compra, venda e troca de moedas digitais.

Após realizar o cadastro, a sua conta será liberada e você já poderá realizar a transferência de um saldo em reais para essa conta. Assim que definir o valor, poderá acessar a conta e selecionar a opção de aviso de depósito. Dessa forma, serão liberados os dados para a transferência (DOC ou TED).

Agora é a hora de realizar a transferência e esperar ela ser efetivada na plataforma. Pronto! Você já pode comprar, vender e trocar o seu Bitcoin.

Como comprar crédito para trocar por Bitcoins?

Para comprar Bitcoins é preciso ter um saldo em reais na plataforma de trade na qual você se cadastrou. Para isso, deve-se fazer um depósito ou transferência bancária para a conta da plataforma.

As plataformas disponibilizam contas em diversos bancos para que você possa fazer a transferência. Cheque os dados dessas contas e, então, basta fazer uma transferência do valor que deseja, caso você tenha conta no mesmo banco, ou um DOC ou TED, se estiver enviando o dinheiro de um banco diferente.

O prazo para que o depósito seja reconhecido varia de acordo com a plataforma. Na BitcoinTrade, por exemplo, 95% dos depósitos são reconhecidos dentro de uma hora, mas, em alguns casos, pode levar até um dia útil.

Antes de fazer o depósito, não se esqueça também de conferir como funcionam as taxas cobradas pela plataforma, para não correr o risco de não ter o dinheiro certo para comprar a quantidade de Bitcoins que deseja. Boa parte das plataformas não cobra taxas na compra, apenas nos saques realizados. De qualquer forma, é importante conferir para evitar surpresas.

Outra questão importante é verificar seu limite de transações na plataforma de trade. Mais uma vez, esse dado pode variar de acordo com a plataforma. Ele determina quanto você pode depositar e sacar em um determinado período de tempo, como um dia, uma semana ou um mês.

Quem quiser aumentar esse limite operacional precisará comprovar que tem renda e patrimônio suficientes que justifiquem um limite maior, enviando à plataforma documentos como extrato bancário, comprovante de renda, de investimentos em aplicações financeiras, cópia da declaração de Imposto de Renda ou escrituras de imóveis.

Como investir em Bitcoin?

Assim como qualquer moeda, o Bitcoin também depende do mercado financeiro para a sua valorização ou desvalorização. No entanto, entrar no universo da moeda virtual mais conhecida do mundo requer alguns cuidados para garantir segurança e praticidade nos seus processos.

Para isso, reunimos nesse passo a passo algumas dicas que você pode seguir para conseguir bons ganhos, além de proteger o seu dinheiro virtual e ter mais facilidade nas suas transações. Acompanhe!

Estude

Com certeza, com tanta repercussão e histórias do Bitcoin, você já deve ter encontrado informações que provocam medo, como as fraudes e roubos que podem gerar falência. Para que isso não aconteça, é preciso estudar!

Estudar o quê? Tudo relacionado à moeda, como seus mercados, funcionalidades, utilidades, aplicações, riscos, taxas, benefícios e estratégias. Quanto mais conhecimento você tem, mais fácil será ganhar dinheiro e se proteger.

Como seu funcionamento se dá de forma orgânica e não existem instituições ou empresas que tomam conta dessa moeda, cabe a você administrar o seu dinheiro digital.

Seja cauteloso

Sempre tenha certeza sobre o que vai fazer e onde vai aplicar o seu Bitcoin. Ou seja, não aposte na sorte ou em especulações quando for realizar seus processos. Seja cauteloso em relação aos riscos que existem, assim como em qualquer tipo de investimento.

Comece descobrindo o seu perfil de investidor e defina uma estratégia com os seus objetivos. Depois, inicie o seu investimento e vá aumentando aos poucos, de acordo com a sua bagagem, prática e conhecimento.

Dessa maneira, você diminuirá o risco de perder grandes quantidades de dinheiro logo no início da sua experiência. Por trás de qualquer negócio bem-sucedido há sempre muita cautela e estudo!

Entenda o mercado

Você precisará entender do mercado financeiro também, acompanhar as notícias que podem impactar na valorização e desvalorização de seu Bitcoin, sempre pensando no futuro.

Como ocorre na Bolsa de Valores e em outros investimentos de risco mais alto, seu dinheiro hoje pode estar muito valorizado e amanhã cair para menos da metade.

Então, é necessário sempre acompanhar de perto seu dinheiro virtual e saber os momentos corretos de comprar, vender ou trocar a sua criptomoeda. Nesse momento, é interessante ter a ajuda de um profissional capacitado e de confiança para ajudar você nesse processo.

Como dar segurança ao seu Bitcoin?

Se você tem uma boa renda mensal e um dinheiro que deseja aplicar, é possível investir nessa moeda digital. Entretanto, assim como no dinheiro físico, é necessário tomar alguns cuidados para investir com segurança e não ter problemas com fraudes ou até mesmo roubo da sua carteira.

Para evitar que isso aconteça, siga as dicas que separamos a seguir e proteja sua carteira de Bitcoins.

Faça cópias de sua carteira

Após entender como comprar Bitcoins, é necessário aprender a proteger o seu dinheiro. Quando você compra Bitcoins, suas moedas vão para uma carteira. Ela tem a função de guardar seu dinheiro e ainda permite transações, como envio e recebimento. Para isso, existem carteiras de desktop, móveis (celular), hardware, online e em papel.

Com isso, para proteger a sua carteira, uma opção é fazer várias cópias. Fazer um backup e guardá-la em locais seguros pode protegê-lo contra falhas de sistema e ainda recuperar e ter acesso às suas informações em casos de ter computador ou celular roubado.

Faça essa cópia regularmente e opte por mais de um local seguro para armazenagem desses dados, como nuvem, outro computador, HD externo, pen drive, entre outros.

Proteja a sua identificação

Sempre resguarde a sua identidade, dados e informações sobre seus processos, transações, compra e venda da criptomoeda. Dessa forma, você dificulta consideravelmente o trabalho dos cibercriminosos.

Sempre deixe ativo o 2FA na sua conta — esse passo a mais no login ou em operações de saque ajuda a aumentar a segurança. Evite também passar informações referentes à sua carteira (plataforma ou operadora de compra e venda de Bitcoins) a quem quer que seja.

Por que está sendo tão vantajoso investir em criptomoedas?

Agora que você entendeu como funciona o mercado de Bitcoins, continue a leitura e descubra por que é tão vantajoso investir nessas criptomoedas.

Custo das transações

Os custos ao realizar as operações de compra, venda e troca são bem inferiores aos praticados no mercado tradicional. Ou seja, você consegue economizar com esse tipo de operação, fazendo com que seu dinheiro tenha maior rentabilidade.

Descentralização do governo

Como falado acima, a maior vantagem do Bitcoin é não ser emitido e regulado por um órgão federal, como Banco Central ou Comissão de Valores Mobiliários (CVM), por exemplo. Isso evita que, em uma crise financeira do país, o governo confisque seu dinheiro.

Comercialização

Essa moeda pode ser utilizada em qualquer país do mundo, não necessitando realizar a compra do dólar, por exemplo, em casos de viagens ou compras internacionais. O Bitcoin já está sendo aceito como forma de pagamento no comércio online e aos poucos as lojas físicas estão aderindo à essa moeda também.

Outra forma de troca do Bitcoin em dinheiro é por meio das casas de câmbio. Como ocorre com as moedas estrangeiras, eles trocam para a de seu interesse (real, dólar, euro, entre outras).

Quais são as perspectivas de valorização nos próximos anos?

Após a forte queda na cotação do Bitcoin em 2018, muitos especialistas apostam na valorização das criptomoedas nos próximos anos devido à forte demanda de mercado, que vem crescendo muito nos últimos anos. Como você pôde perceber, essa moeda veio realmente para ficar e as criptomoedas tendem a ser o futuro econômico!

Então, qual a melhor época para comprar Bitcoins? Como sempre acontece quando estamos falando de investimentos, a resposta para essa pergunta é: depende. Ela varia de acordo com o seu perfil de investidor e seus objetivos.

Se você quer investir no longo prazo, a melhor estratégia é comprar aos poucos e com regularidade. Dessa forma, você reduz o impacto da variação dos preços na sua carteira de Bitcoins, uma vez que, investindo sempre, você vai comprar um dia na alta, outro na baixa, formando um preço médio.

Agora, se o seu objetivo for de curto prazo, o ideal é contar com métodos que apontem os possíveis melhores pontos de entrada e saída e as tendências para a moeda. Uma das ferramentas mais usadas para isso é a análise gráfica ou técnica.

Qual a diferença entre Bitcoin e Altcoin?

O Bitcoin foi a primeira criptomoeda criada, em 2009, e é até hoje a mais conhecida e negociada. No entanto, ao longo do tempo, foram lançadas outras moedas virtuais usando a tecnologia do blockchain, com características similares ao Bitcoin.

Elas são conhecidas como Altcoins, ou seja, como moedas alternativas ao Bitcoin. Atualmente existem cerca de 700 moedas digitais sendo negociadas ou mineradas por empresas e investidores. Algumas das mais conhecidas são: Ethereum, Litecoin, Dash e IOTA.

Este post ajudou você a entender o que é e como comprar Bitcoin, o seu processo, como investir e a conhecer suas vantagens. Vale ressaltar que o investimento deve ser feito com cautela, alinhado ao seu perfil de investidor, e sempre na melhor plataforma de trade de moedas! Não se esqueça também de conferir as medidas de segurança para proteger seu investimento.

Não perca mais tempo, comece hoje mesmo a investir nesse ativo e faça com que seu dinheiro trabalhe para você! Aproveite e siga também nossas páginas nas redes sociais. Estamos no FacebookInstagram e LinkedIn!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"