Filmes sobre finanças e criptomoedas são excelentes formas de aprender mais sobre o setor de uma maneira divertida e relaxante. Muitas dessas produções, inclusive, são baseadas em fatos reais, o que as torna ainda mais interessantes.

Para lhe ajudar a maratonar, separamos as principais dicas de filmes e documentários sobre o universo dos investimentos, empreendedorismo e, claro, criptomoedas. Pegue a pipoca e venha com a gente!

Filmes sobre finanças

São inúmeros os filmes sobre finanças. Montamos uma relação variada, com títulos clássicos que você precisa assistir (ou rever, se for o caso).

1- O lobo de Wall Street (2013)

Indicado a 5 Oscars, o Lobo de Wall Street é uma clássica indicação de filmes sobre finanças. Ele conta a história real de Jordan Belfort, vivido por Leonardo DiCaprio, um corretor de ações que trabalha em Wall Street.

Após perder o emprego na “segunda-feira negra”, ele começa a trabalhar em uma empresa que comercializa papéis modestos fora da Bolsa. Ao lado de amigos, ele cria a Stratton Oakmont e usa esquemas ilegais para atingir o sucesso – até que seus resultados chamam a atenção do FBI.Neste filme, você conseguirá entender muito bem como funciona o mercado de seguros e descobrir como nascem as tramas de corrupção e fraudes.

Os filmes podem ser um ótimo aliado para quem quer entender mais o universo das finanças. O lobo de Wall Street. Imagem: Adoro Cinema

2- A Grande Virada (2010)

Uma crise econômica é sempre capaz de trazer impactos importantes na vida das pessoas. E nós sabemos bem disso, já que estamos enfrentando uma das piores crises em todo o mundo.

Em A Grande Virada, os personagens vividos por Ben Aflleck, Kevin Costner e Tommy Lee Jones precisam sobreviver em meio a uma redução de custos da empresa em que trabalham e com os impactos dessa decisão corporativa em suas vidas e carreiras.

O longa mostra como é fundamental sempre nos reciclarmos e buscarmos aperfeiçoamento para acompanhar as mudanças do mercado e superar os sinais de crise capazes de enfraquecer as economias e os investimentos.

3- Enron: os mais espertos da sala (2005)

Quando falamos em filmes sobre finanças, muitas pessoas não costumam citar este documentário. Porém, ele aborda um dos maiores escândalos corporativos dos Estados Unidos e por isso merece estar na nossa lista.

O escândalo envolveu os executivos da Enron, uma das dez maiores empresas americanas – que fugiram com bilhões de dólares e deixaram acionistas e investidores tendo de lidar com um prejuízo incalculável.

O mercado de capitais, é claro, também foi impactado e tudo isso é registrado de maneira brilhante no documentário, com depoimentos e relatos de todos os envolvidos.

Esse é um excelente documentário para refletir sobre seus investimentos e fugir de golpes.

4- Quants – Os Alquimistas de Wall Street (2010)

Na nossa lista de filmes sobre finanças, outro documentário excelente. Quants retrata as atividades dos analistas quantitativos, profissionais especializados em estabelecer modelos matemáticos e estatísticos avançados para definir valores e riscos em alguns setores do mercado financeiro, como nos hedge funds.

O documentário foi baseado em uma pesquisa acadêmica e questiona a atuação desses profissionais e se as análises que eles produzem são, realmente, confiáveis.

A pergunta-chave que o longa busca responder, no entanto, é até que ponto as estratégias financeiras podem ser elaboradas a partir de modelos matemáticos que desconsideram as diferenças de personalidade, perfis e realidades.

Uma indicação indispensável para qualquer pessoa que queira atuar na renda variável.

5- O homem que mudou o jogo (2011)

Esse não é exatamente um filme sobre mercado financeiro, porém ele ensina os espectadores a saírem do padrão para potencializarem seus resultados.

O longa conta a história de Billy Beane (interpretado por Brad Pitt), um ex-jogador de baseball cotado como futura estrela, mas que fracassou como profissional e virou gerente geral no Okland Athletic’s – time que vinha em crise financeira e perdendo os principais jogadores.

O desafio de Beane era tornar o time competitivo novamente, porém o mercado do baseball é extremamente desigual e apenas as equipes com mais dinheiro conseguiam contratar os jogadores de destaque.

Por acaso Billy acaba conhecendo Peter Brand, um jovem economista recém-formado na Yale que fazia análises estatísticas dos jogadores e conseguia ver números que ninguém mais enxergava, pois os dirigentes apenas olhavam a parte física e o salário de cada jogador.A partir daí, a trama ensina uma valiosa lição aos espectadores: será que você realmente terá bons resultados se fizer o mesmo que todos estão fazendo?

Questões como estratégias e visões de mercado são essenciais para quem quer começar a investir. O homem que virou o jogo. Imagem: Adoro Cinema

6- Becoming Warren Buffet (2017)

Outro documentário na nossa lista, dessa vez retratando a vida de Warren Buffet, uma das maiores referências mundiais sobre investimentos. Além de mostrar a sua rotina diária, o longa aborda sua infância e os dilemas da juventude do investidor, além da rotina da Berkshire Hathaway, a empresa de Buffet.

Uma indicação indispensável para qualquer investidor que deseja conhecer mais sobre o estilo de vida de um dos investidores mais bem sucedidos do mundo.

7- Trabalho Interno – Inside Job (2010)

Lançado em 2010, esse documentário escancarou os podres de Wall Street. Indicado ao Oscar como melhor documentário, Inside Job é narrado por Matt Damon e revela verdades incômodas da pior crise já vista até então desde 1929 – a quebradeira de 2008 que fez com que milhares de pessoas perdessem seus empregos e moradias.

Baseado em uma extensa pesquisa e série de entrevistas com economistas, políticos e jornalistas, o documentário revela as relações corrosivas entre governantes, agentes reguladores e Academia, além de expor uma teia de mentiras e condutas criminosas que acabaram prejudicando a vida de milhões de pessoas.

E o mais revoltante é que os causadores desta enorme crise já voltaram a aconselhar governos e sociedades, continuando a dar as cartas na mesa.

8- Grande demais para quebrar (2011)

Essa é uma indicação clássica que sempre aparece nas listas sobre finanças – e se você ainda não viu, está na hora de assistir.

O longa também gira em torno da crise mundial de 2008 e foi baseado no best-seller do jornalista Andrew Ross Sorkin. Ele centraliza as ações na correria do Federal Reserve (banco central dos EUA) e do Tesouro americano em seus momentos críticos para evitar a quebradeira dos bancos e das seguradoras na crise do subprime.

A narrativa se desenvolve sob o ponto de vista do ex-secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Henry Paulson (vivido por William Hurt) e mostra as relações ilícitas do poder e a interdependência dos mercados em um universo cercado de traições, informações sigilosas e interesses “pouco republicanos”.

Grande demais para quebrar. Imagem: Adoro Cinema

9- A Inventora: à procura de sangue no Vale do Silício (2019)

Dirigido pelo vencedor do Oscar, Alex Gibney, este documentário conta a história da jovem Elisabeth Holmes que não tinha nem 20 anos de idade quando fundou a Theranos, uma startup do Vale do Silício que prometia exames clínicos a partir de uma única gota de sangue usando uma máquina do tamanho de uma impressora chamada Edison.

Para isso, Holmes, que era considerada a nova “Steve Jobs”, conseguiu investimentos de 1 bilhão de dólares, inclusive com doações de nomes importantes como os ex-secretários de Estado, Henry Kissinger e George Shultz, e do dono da Fox News, Rupert Murdoch.

A questão, no entanto, era que a máquina de Holmes não funcionava. Em 2014, a empresa valia 9 bilhões de dólares – e menos de dois anos depois, valia zero dólares.

O documentário mostra como uma mulher tão jovem conseguiu enganar tanta gente.

Filmes e documentários para entender mais sobre criptomoedas

É claro que na nossa lista de filmes sobre finanças, não poderíamos deixar de lado algumas indicações importantes para quem deseja compreender melhor o mercado das criptomoedas.

10- Bitcoin: o fim do dinheiro como conhecemos (2015)

Dirigido e roteirizado por Torsten Hoffmann, o longa mostra a história do dinheiro, desde o seu uso indireto no escambo até o uso pelo alto escalão nos Estados Unidos, mostrando as práticas dos bancos centrais com o dinheiro e suas duvidosas ações responsáveis pela última crise financeira mundial.

Outro ponto interessante abordado é a forma como os bancos centrais do mundo inteiro têm gerado receita: a partir da criação de dívidas da população.

Depois dessa introdução polêmica, o Bitcoin começa a ser introduzido e bem explorado pelo diretor, que o coloca como uma alternativa às cédulas que estamos acostumados em nosso dia a dia. Várias questões, então, são levantadas, como: será que as criptomoedas serão responsáveis por desbancar o uso do dinheiro vivo? Elas darão o pontapé inicial na revolução financeira?

11- Cryptopia: Bitcoin, Blockchain and the future of the internet (2020)

Mais um documentário do cineasta Torsten Hoffmann que integra a nossa lista de filmes sobre finanças. Ele é uma sequência da dica anterior. Para a produção, Hoffmann viajou pelo mundo visitando inúmeras cidades e destinos e entrevistou influenciadores de cripto, empreendedores, escritores e até o criador do Litecoin.

Agora, Hoffmann explora a evolução da indústria da Blockchain e as suas novas promessas. Será que essa tecnologia, desenhada para operar de forma independente e descentralizada, realmente poderá prover uma alternativa robusta para a internet como nós conhecemos?

12- A Blockchain e nós (2017)

Mais um documentário, dessa vez dirigido pelo espanhol Manuel Stagars. O curta-metragem se baseia em entrevistas de desenvolvedores de software, pesquisadores e empresários para apresentar a tecnologia da Blockchain – e como ela tem revolucionado inúmeros setores, indo muito além do Bitcoin.

13- Crypto (2019)

O filme estrelado por Kurt Russell, Beau Knapp e Luke Hemsworth acompanha a trama de um jovem agente financeiro de Wall Street obrigado a retornar à sua cidade natal, no interior do estado de Nova Iorque.

Ele se vê em meio a uma investigação de esquema de corrupção envolvendo pessoas muito poderosas, que usam criptomoedas para manter em sigilo suas transações ilegais e lavar dinheiro.

Embora o filme pareça como tantos outros que abordam casos de corrupção, este vale a pena graças à abordagem, até então inédita em Hollywood, do universo das criptomoedas.

Para quem quer saber mais sobre criptomoedas, há uma variedade de filmes e documentários que contextualizam a criação das moedas e trazem informações relevantes

14- O surgimento e a ascensão do Bitcoin (2014)

Esse é considerado por muitos como um dos melhores documentários sobre o nascimento e crescimento do Bitcoin. O longa conta a história de Daniel, um programador de computação de Pittsburgh após seu contato com o mundo das criptomoedas em 2011.

O filme narra o fascínio e a paixão de Daniel pelo Bitcoin, enquanto ele encontra os principais desenvolvedores e entusiastas da moeda digital. É um documentário muito bem produzido e que nos dá a ideia de como iniciou essa invenção revolucionária e o impacto que a maior inovação tecnológica desde a internet pode ter no nosso mundo.

15- Bitcoin Heist (2016)

O longa foi produzido no Vietnã e mostra a história de um agente da Interpol que precisa montar um time de hackers de elite para conseguir capturar o bandido mais procurado do mundo.

O plano para pegar o ladrão, contudo, é planejar um grande roubo de criptomoedas.

16- Banking on Bitcoin (2016)

Documentário lançado nos Estados Unidos, Banking on Bitcoin (Banco ou Bitcoin, em português), explica, de forma didática, a origem do Bitcoin, suas polêmicas, motivações e o porquê de atrair tanta atenção (positiva e negativa) atualmente.

Ele nos ajuda a refletir sobre o papel do dinheiro, dos bancos e do mercado financeiro – e de como as grandes instituições financeiras mexem com a economia sem sofrerem as consequências.

Depois dessa seleção de filmes sobre finanças, já decidiu quais títulos farão parte da sua próxima maratona? Não deixe seus amigos de fora: compartilhe nossas indicações nas suas redes sociais!

Redator | BitcoinTrade

Breno tem mais de 12 anos de experiência com Marketing Digital. Já passou por grandes varejistas tradicionais e em 2017 se apaixonou pelas criptomoedas. Hoje é responsável pelas estratégias de comunicação e aquisição de novos clientes na BitcoinTrade.