Apesar dos nomes semelhantes, será que Bitcoin Cash e Bitcoin são a mesma coisa? Como essas criptomoedas surgiram? Se você também tem essas dúvidas, saiba que muitas pessoas acabam confundindo esses termos – e para investir melhor nas moedas digitais, é extremamente importante conhecê-las e entender suas diferenças.

Antes de mais nada, já adiantamos que realmente Bitcoin Cash e Bitcoin não são sinônimos. O Bitcoin Cash (BCH) é uma altcoin, inclusive ocupando a 5ª posição em termos de capitalização de mercado. Esse é um projeto que divide opiniões até mesmo entre os grandes especialistas do setor.

Quer entender melhor qual a diferença dessas criptomoedas e se vale a pena investir? Continue a leitura!

Um pouco da história do Bitcoin Cash

Para compreender as diferenças entre Bitcoin e Bitcoin Cash, primeiro é importante você saber o que é o Bitcoin Cash e a sua origem.

Como surgiu o Bitcoin Cash?

O Bitcoin Cash surgiu a partir de um hard fork do Bitcoin. Em 2017, a comunidade Bitcoin começou a debater sobre a necessidade de mudar a maneira como a criptomoeda funcionava, de modo a aumentar o número de transações por segundo e dar mais velocidade nos registros na rede blockchain.

Para isso, alguns usuários sugeriram o protocolo SegWit (Segregated Witness) – um soft fork que não alterava a compatibilidade das soluções atuais e conseguia aumentar a capacidade de transações.

Mas, a comunidade não chegou em um consenso sobre o uso do protocolo e assim ocorreu o hard fork, ou seja, a criação de uma nova criptomoeda a partir do Bitcoin, mas que conseguia ter uma capacidade transacional maior. Foi dessa forma que nasceu o Bitcoin Cash (BCH).

Da mesma forma que o Bitcoin, o BCH possui uma oferta finita de criptomoedas travada na quantia de 21 milhões de unidades – e a previsão para a emissão das últimas frações será para 2140. Ambas as criptomoedas possuem curva de oferta e inflação semelhantes.

A grande diferença entre Bitcoin Cash e Bitcoin está, justamente, no tamanho do bloco de transações. Enquanto o bloco do Bitcoin é de 1 MB, os blocos de Bitcoin Cash são de 8 MB – e os desenvolvedores estão estudando a probabilidade de aumentá-lo para 32 MB.

Qual a cotação do Bitcoin Cash e sua utilidade?

No momento de escrita deste conteúdo, o Bitcoin Cash tinha uma cotação de 205,61 dólares, ou, 846 reais. Mas, como já explicamos em outros artigos, esse valor está continuamente se alterando, devido à lei de oferta e procura.

No início, a ideia do Bitcoin Cash era substituir o Bitcoin. Mas, como não houve consenso na comunidade, ele surgiu como uma nova criptomoeda – por isso ele tem a mesma utilidade que o Bitcoin e outras altcoins.

Como é feita a mineração do Bitcoin Cash?

O processo de mineração do Bitcoin Cash é bem semelhante ao do Bitcoin, apesar disso existem algumas diferenças que você precisa considerar. A primeira delas é em relação ao limite de tamanho do bloco Bitcoin Cash que, como já falamos, é de 8 MB, enquanto do Bitcoin é de apenas 1 MB.

Isso significa que, com blocos maiores, há também uma necessidade maior de poder de computação e, por extensão, é preciso fazer mais investimentos para minerar. Por outro lado, os blocos maiores contêm mais taxas de transação que o minerador colecionará.

Assim, a melhor forma de minerar Bitcoin Cash é entrar em um pool de mineração – um recurso no qual vários usuários se juntam para potencializar o poder de processamento e dividir os lucros.

De uma maneira geral, minerar BCH em casa não é algo muito lucrativo, pois essa atividade tem um alto consumo de energia e exige um grande processamento computacional.

Quais são as diferenças entre Bitcoin e Bitcoin Cash?

Por ambas terem o nome parecido e pelo Bitcoin Cash ter surgido do Bitcoin, é natural que haja uma certa confusão entre essas moedas. Confira a lista para sanar todas as suas possíveis dúvidas nesse sentido.

Velocidade de validação da transação

Já falamos por aqui, mas não custa repetir que a rapidez do BCH é um de seus grandes chamarizes. Hoje, estima-se que o Bitcoin Cash leva dez vezes menos tempo para processar uma transação quando comparado ao Bitcoin. Ou seja, enquanto o Bitcoin processa uma transação em um certo tempo, o BCH processa dez.

Custo por transação

Muito pelo fato de ter uma velocidade de validação por transação maior que a do Bitcoin, o BCH possui taxas menores, o que torna o seu custo mais acessível. Para se ter uma ideia, no momento do seu lançamento, estimou-se que as taxas do Bitcoin eram por volta de 3 dólares por transação.

Por outro lado, à mesma época, as taxas do BCH eram de aproximadamente 0,003 dólares. Ou seja, é muito mais barato realizar uma transação em Bitcoin Cash do que com o Bitcoin.

Capacidade de transações por segundo

Outro ponto importante é a sua capacidade de realizar transações por segundo, que é muito maior que a do Bitcoin. Enquanto estima-se que a rede do Bitcoin processa 7 transações por segundo, o BCH processa 24 — ou seja, com mais que o triplo de velocidade.

Potencial no mercado

Por fim, terminamos falando do potencial de mercado, que representa nada mais do que a capacidade da criptomoeda dar certo no mercado. Apesar de ambas as moedas terem semelhanças, isso também é diferente.

Hoje, estima-se que o potencial de mercado do Bitcoin Cash tenha passado dos 177 bilhões de dólares, já o Bitcoin possui 7 bilhões. Isso ocorre muito ao fato do Bitcoin possuir uma quantidade finita de criptomoedas, já o BCH não funciona dessa maneira.

Bitcoin x Bitcoin Cash: qual é o melhor?

Agora que você entendeu o que o Bitcoin Cash trouxe de novidade, você deve estar se perguntando: afinal, qual é o melhor para investir?

Essa comparação depende muito do que você considera como “melhor”. Afinal, o Bitcoin é a criptomoeda com maior valor de mercado e aceitação atualmente. Então, nesse quesito, ela pode ser considerada melhor que o Bitcoin Cash.

O Bitcoin Cash surgiu a partir de um fork do Bitcoin, mas definir qual dos dois é melhor depende das preferências de cada investidor. Imagem: Portal do Bitcoin.

Contudo, em termos de velocidade de transação, vimos que o Bitcoin Cash é superior. Para se ter uma ideia em nível de comparação, o Bitcoin consegue processar 1 mega em 10 minutos e valida apenas 7 transações por segundo – ou até menos, já que algumas transferências na rede podem demorar dias para serem processadas, com um congestionamento muito superior ao previsto pelos desenvolvedores.

Já o Bitcoin Cash tem uma capacidade de processamento de 8 MB – o que é 7 vezes maior que a rede Bitcoin.

Atualmente, muitos veem o Bitcoin Cash como uma rede alternativa ao Bitcoin – o que tem gerado apreensão em alguns investidores. Tanto que, frequentemente, vemos algumas notícias falsas sendo espalhadas sobre o Bitcoin Cash, na tentativa de fazer seu valor de mercado cair e menos pessoas acreditarem na criptomoeda.

Vale salientar, ainda, que o Bitcoin Cash possui taxas menores de transação – o que torna o seu custo mais acessível. Isso significa que é mais barato realizar uma transação em Bitcoin Cash do que em Bitcoin.

Conclusão

Neste conteúdo, você viu que o Bitcoin Cash nasceu a partir de um fork na comunidade Bitcoin. Sua principal diferença está na velocidade de transação, sendo que a criptomoeda é vista por alguns especialistas como uma “evolução” do Bitcoin tradicional – e por isso muitos acreditam que ainda haverá uma explosão no valor de mercado dessa criptomoeda.

De qualquer forma, atualmente, ela é a 5ª em termos de capitalização de mercado e possui algumas vantagens interessantes, sendo uma alternativa para quem deseja investir nas criptomoedas.

Você já conhecia o Bitcoin Cash? Deseja investir nessa critpomoeda? Acesse o nosso site e saiba como podemos ajudá-lo!

Conheça a BitcoinTrade!